Pedagogia Sistémica


Pedagogia Sistémica

A aplicação da pedagogia sistémica permite solucionar problemas na relação escola-aluno-família pela forma como utiliza as leis inconscientes que dominam o comportamento humano nos grupos familiares e sociais. Esta abordagem atua de forma simples e utiliza todo o conhecimento já existente do corpo docente. Vamos descobrir um pouco mais o que é a Pedagogia Sistémica.

Pedagogia Sistemica melhora o sucesso escolar

A origem da Pedagogia Sistémica

O filósofo, psicoterapeuta e professão alemão Bert Hellinger é considerado o Pai das Constelações Familiares, tendo estudado e aprofundado um vasto conjunto de abordagens psicoterapêuticas, após anos como missionário católico na África do Sul onde parte do seu trabalho era lecionar em escolas zulus.

Este contacto levou-o a descobrir a natureza da consciência humana e das leis inconscientes do comportamento humano. Estes profundos conhecimentos e descobertas foram mais tarde aplicados na resolução de problemas familiares e problemas nas organizações com muito sucesso.

Pedagogia Sistémica

O método foi também aplicado na área educacional, através  da terapeuta Marianne Franke-Gricksch que como professora encontrava as normais dificuldades no desempenho das suas tarefas, Os alunos traziam de casa os seus comportamentos consumistas, a informação dada pela televisão e replicavam os comportamentos dos Pais. Todo o mundo externo vinha para a sala de aula através dos alunos, que pretendiam bastante comunicar e deterioravam a sua aprendizagem.

A descoberta das constelações familiares levou-a a descobrir e a perceber como os alunos estão inseridos nas suas famílias e a lealdade que têm com as mesmas. A forma como inconscientemente as crianças faziam uma ponte entre os seus familiares e a vida escolar, e a forma mais simples de criar uma harmonia era permitir, mesmo invisivelmente, a entrada da família no ambiente escolar.

Porque deve ser aplicada a pedagogia sistémica?

Todos os intervenientes neste sistema possuem uma relação estreita e inseparável. A quebra destas ligações conduz ao surgimento de problemas que não sendo combatidos geram mazelas em especial para as crianças e para a sua vida adulta.

Os alunos e os professores estão ligados às suas famílias de origem, e a escola faz também parte desses sistemas familiares. A escola atua nas famílias e reciprocamente as famílias atuam na escola. Tentar dividir este conceito é prejudicial aos alunos, que não tendem a fazer essa separação.

A escola não é uma alternativa aos ensinamentos de casa mas sim um enriquecimento do que já existe. Consideramos frequentemente que a escola e a família são duas unidades bastante definidas, cada uma delas com as suas regras e necessidades. No entanto a abordagem sistémica faz prevalecer que nenhuma destas unidades devem ser independentes.

Combater os problemas das crianças com pedagogia sistémica

Invés de as crianças serem diagnosticadas com dislexia, hiperatividade, défice de atenção ou outras tantos problemas, que frequentemente causam o desespero dos Pais e geram dificuldades ao docente para lecionar e que gera uma acusação silenciosa de ambos relativamente à causa do problema, deve-se utilizar a pedagogia sistémica para mais facilmente diagnosticar as causas e descobrir-se soluções que irão beneficiar todas as partes envolvidas.

Situações de:

  • Insucesso Escolar
  • Disciplina na sala de aula
  • Défice de Atenção
  • Interação com o docente
  • Integração familiar e de grupo
  • Preparação para Exames
  • Estruturação da Jornada Escolar
  • etc

 

são motivos suficientes para que a abordagem de uma pedagogia sistémica seja levada em conta.

Caso prático da utilização da pedagogia sistémica

Num contexto atual onde o mundo comunica-se a uma enorme velocidade, a disponibilidade de conteúdo surge constantemente em todo o lado como nas redes sociais, nos emails, no telemovel, na televisão e em tantos outros, existe um desinteresse pelo que é ensinado na escola, a violência dentro e fora do contexto escolar, a vida agitada de Pais que trabalham horas a fio, divórcios e separações, mudanças na área de residência mostram que uma pedagogia sistémica oferece possibilidades e ajudar à resolução destas situações.

A exclusão do Pai

Existem por vezes diversas situações familiares onde um Pai é excluído, sendo que as causas desta exclusão se pode dever a imensas razões como alienação parental, trabalho, ou tantas outras.

Uma descoberta importante nos estudos de Bert Hellinger é a total lealdade da criança aos Pais a um nível muito profundo, e em especial quando estes são excluídos, desvalorizados ou condenados.

Um corpo docente com visão para esta forte relação saberá que não se deve permitir em nenhum dos sistemas (a escola e a família) que se permita que esse Pai seja tratado como “mau”, “ausente” ou qualquer outro termo que fira a susceptibilidade da criança relativamente ao seu Pai.

Pedagogia Sistémica Exemplo

Dificilmente se poderá ter o apoio da criança nas suas intervenções escolares, e que irá refletir no seu desempenho. Apenas respeitando de forma neutra o destino desse Pai, e mostrarmos à criança esse respeito, a sua cooperação irá ser diferente o que irá permitir que o docente possa fazer o seu trabalho e ter a receptividade do aluno.

Todos saem a ganhar tendo uma visão sistémica das relações e a compreensão das causas dos problemas.

Conclusão

A pedagogia sistémica é um método eficaz para a compreensão dos problemas atuais das crianças e o seu envolvimento com a família e a comunidade escolar.

Esta pedagogia baseia-se em três Leis Naturais do Amor tal como Bert Hellinger descobriu e que quando essas leis são de alguma forma violadas, surgem problemas nos diversos sistemas que de uma forma ou outra tentam ser invisivelmente resolvidos.

A pertinência, onde todos têm o igual direito de dar e receber.

O equilíbrio entre dar e receber

A ordem hierarquia, onde os mais antigos vêm primeiro e os mais novos depois.

Estas leis são universais e podem ser observadas em todos os grupos, tais como pessoas, a escola ou uma empresa.

São forças dinâmicas que atuam na nossa vida sem nos apercebermos, e que quando respeitadas estaremos em harmonia com o mundo que nos rodeia. Quando ignoradas, serão a razão de doenças, conflitos e problemas.

Seja qual for o papel que desempenha no sistema (Pais, Avós, Docente, Diretor de Instituição Escolar, entre outros), a pedagogia sistémica ser-lhe-á muito útil e irá contribuir para o bem estar de todos os envolvidos, em especial o bem estar das crianças que é algo que todos nós queremos.

Se tem dúvidas em como o método à aplicado no seu caso, se a sua criança sofre de algum tipo de pertubação, se os seus alunos têm comportamentos menos positivos, se gostaria que a sua instituição tenha bons resultados e uma melhor reputação na comunidade escolar, contacte-nos e teremos todo o gosto em agendar consigo uma reunião e analisarmos o seu caso.